A experiência do consumidor na era pós digital

Os intervalos entre as inovações tecnológicas – descobertas que impactam diretamente o dia a dia das pessoas – estão cada vez mais curtos.

A preocupação com a psicologia dos consumidores, aspectos comportamentais, assim como as formas de proporcionar uma satisfação inovadora e autêntica das marcas, dentro ou fora da internet, também vem se tornando pauta frequente na maioria das reuniões. O fato é que, pós era digital, há muita conversa sobre a importância e o valor da experiência do cliente. Mas ainda não há muita ação significativa acontecendo como deveria ser.

O setor experiência do consumidor ganhou espaço global rapidamente e as empresas que não acompanharam a evolução perderam bastante dinheiro. No entanto, isso não é mais novidade para ninguém! Atualmente, o grande desafio é estabelecer formas saudáveis de acompanhar esse desenvolvimento massivo atrelado ao nível de exigência dos consumidores, que cresce exponencialmente. O Projeto Musique, como organização que busca incessantemente proporcionar bem-estar para as pessoas, revela as principais ações para se manter num ambiente competitivo onde o assunto Customer Experience é base para qualquer negócio:

  1. Invista em relacionamento
    Desenvolver experiências mexe com sentimentos, emoções e sonhos. Para isso, é preciso pensar nos objetivos e na cultura da empresa. Crie conteúdos personalizados de acordo com a realidade de cada consumidor e converse diretamente com eles.
  2. Vá além da venda
    Pense no objetivo do seu cliente e mostre que o seu negócio está totalmente voltado para solucionar a dor. Mesmo que o seu produto/serviço não seja a principal solução. Desta maneira, você pode verificar se a experiência que ele recebeu está de acordo com seus objetivos e se ele tem propensão ou não a fechar um negócio com sua empresa novamente.
  3. Tenhas números em mãos
    De acordo com uma pesquisa da Econsultancy com a Adobe, feita com profissionais de Customer Service de todo o mundo, 65% dos entrevistados disseram que aprimorar os recursos de análise de dados é o fator interno mais importante para proporcionar uma excelente experiência.
  4. É fundamental ouvir o cliente
    Os clientes querem ter autonomia para dar feedback quando e como eles decidirem. O mínimo que eles esperam é que as empresas tomem conhecimento do que está sendo dito. O sentimento de pertencimento ao colaborar com o próprio atendimento, sem dúvida, é um dos grande diferenciais das empresas que se destacam no mercado.
  5. Se prometeu, cumpra
    As promessas da marca (implícitas ou explícitas) precisam ser entregues nas experiências reais do cliente. Discuta com sua equipe e analise o comparativo recepção x expectativas para entender se existe um alinhamento entre essas duas variáveis.

Por fim, quanto mais tecnológicos nos tornamos, menor a distância em marca e audiência e maior o nível de atenção dado ao atendimento. Para saber mais sobre o tema e outras formas de masterizar a experiência da sua marca, entre em contato conosco através do nosso chat ou do formulário de contato. Ficaremos felizes em te responder.